Header Ads

Por quê?

Entenda os descasos ilegais da Caixa para com os clientes


Por que a Caixa, sendo uma empresa pública, é a primeira aderir a uma greve bancária e a última a sair dela, sabendo que as reivindicações são por melhorias aos funcionários de bancos privados? 

Por que a Caixa, num passado não muito longínquo, desviando de sua finalidade social, oferecia financiamento imobiliário aos mutuários no valor hipoteticamente de R$ 100 mil, e estes, mesmo depois de pagarem R$ 200 mil, ainda possuíam um saldo devedor de R$ 400 mil, fazendo com que desistissem da compra ou vivessem em trabalho de servidão por dívidas contraídas, nas condições de trabalho similar a de escravo (“truck system”)? 

Por que a Caixa é avessa às novas tecnologias, insistindo em direcionar reclamações contra ela por telefone fixo e não por celular? 

Por que a Caixa divulga em seus estacionamentos (onerosos ou não) que não são responsáveis por danos causados a veículos ou a objetos no interior deles, contrariando a Súmula 130 do STJ (Superior do Tribunal de Justiça), que diz: “A empresa responde, perante o cliente, pela reparação de dano ou furto de veículo ocorrido em seu estacionamento”? Aliás, neste mesmo assunto, o artigo 14 do CDC (Código de Defesa do Consumidor) reforça que: “O fornecedor de serviços responde, independentemente da existência de culpa, pela reparação dos danos causados aos consumidores por defeitos relativos à prestação dos serviços, bem como por informações insuficientes ou inadequadas sobre sua fruição e riscos”. 

Por que a Caixa insiste em dizer às pessoas que vão efetuar um pagamento ou um depósito de pequena monta para se dirigirem ao caixa eletrônico ou na lotérica mais próxima, mesmo ferindo a Resolução 3.694 do Banco Central do Brasil, que preconiza em seu artigo 3º: “É vedado às instituições referidas no art. 1º recusar ou dificultar, aos clientes e usuários de seus produtos e serviços, o acesso aos canais de atendimento convencionais, inclusive guichês de caixa, mesmo na hipótese de oferecer atendimento alternativo ou eletrônico”? 

Por que a Caixa, mesmo sabendo da existência da lei 13.948/05 referente à fila de banco (que no momento está suspenso pelo STF), desrespeita o consumidor deixando-o às vezes mais de 1 hora de espera em filas? 

Por que a Caixa, depois de conseguir deixar-nos irritados com as mazelas acima, mantém aberta nossa conta corrente ou poupança, cobrando taxas e serviços, mesmo depois que solicitamos o encerramento de nossas contas?

Por quê?

https://revistapautaonline.blogspot.com.br/p/pratamartins.html